-- inicio ---

Pasta d’água no combate da acne

Você conhece a pasta d’água? Sabe pra que ela serve e o quanto ela ajuda para combater a acne? Conheça essa pomadinha cheia de benefícios e utilidades!
Quando eu era criança, lá nos anos oitenta, surgiu o Sundown, primeiro protetor solar que lembro de ter visto. Nós, eu e meus primos, frequentávamos um camping no Recreio dos bandeirantes e lá fizeram uma divulgação desse novo produto mágico, que deixaria a gente ficar na praia ou na piscina, sem a cara toda branca de pasta d’água. Lembro dos saquinhos de amostra grátis, do cheiro e da alegria de ter muitos deles pra usar. O mundo girou e estou aqui, em 2019, escrevendo sobre benefícios desse produto que tanto me aterrorizou quando eu era criança e adorava brincar na luz do sol:  A pasta d’água!

Quando surgiu a Pasta d’água ?

Quem viveu a infância na mesma época vai lembrar da popularidade dos potes branquinhos que as mães sempre carregavam na bolsa. Em geral, os locais onde elas  aplicavam a pasta cremosa e branca, era nas costas e nas bochechas. Pernas, barriga, braços estavam sempre desprotegidos causando um vermelhão danado. Mas a composição do produto e a lógica do uso, não diferem muito dos protetores solares de hoje em dia. Se fôssemos fazer uma comparação, seria um telefone fixo antigo, de disco e um Iphone 8. Os dois são usados para falar, ouvir a voz da pessoa do outro lado, mas o segundo permite não só que isso aconteça com muito mais facilidade como também tem muitas outras funções.

Dá pra usar Pasta d’água como protetor solar ?

Uma das diferenças primordiais entre os dois produtos é o preço. A pasta d’água sempre foi bem baratinha e dava pra usar um pote bem rapidinho sem grandes prejuízos, por isso, no post de hoje, teremos esse ponto também em questão. Ela continua funcionando porque a fórmula não mudou com o passar do tempo e o preço continua sendo bastante acessível.

De que é feita a Pasta d’água?

Mas afinal, o que é a pasta d’água? Para responder a essa pergunta iremos direto para a receita da pasta que rola pela internet. As quantidades de cada um deles vai variar de acordo com o fabricante, porém nada te impede de fazer na sua casa. Não é muito prático, vamos combinar, porém, se você tem acesso aos compostos que fazem parte da receita, pode fazer que dá certinho.

Ingredientes da pasta d’água caseira

  • Glicerina
  • Água de cal
  • Talco sem cheiro (pode ser substituído por argila de cor branca)
  • Oz (óxido de zinco)

Como a Pasta d’água age na pele?

Como vimos na receita acima, a pasta forma um bloqueio, uma barreira. Dessa forma ela pode proteger a pele da ação do sol e, como sabemos, essa ação é cada vez mais intensa e nociva. Outra forma dessa barreira de proteção te beneficiar é pensando em como o atrito da pele com a pele, ou da pele com outros materiais pode acontecer. Os exemplos a seguir têm a ver com isso:
  • Aliviar a pele pós depilação devido ao atrito da lâmina na pele.
  • Impedir que a pele entre as coxas se machuque após longas caminhadas, devido ao atrito constante. Essa exposição pode ser bastante dolorida.
  • Solução de alívio para quem está com a pele machucada da catapora. Especialmente crianças em idade escolar. Por ser uma solução de valor acessível, muitas mães utilizam como complemento do tratamento.
  • Alívio para queimaduras superficiais. Aplicada nas áreas onde há vermelhidão. Não é aconselhável colocar Pasta d’água onde a pele está rompida, para que os compostos não entrem em contato com a corrente sanguínea e prejudiquem a cicatrização do local. Queimaduras mais leves, caseiras, como ferro de passar roupa, borda da panela … pode ser usado no local, na hora.
  • Alívio da pele  com assaduras. Em bebês e idosos é comum acontecer, nesse caso a Pasta d’água é um produto eficaz e de custo baixo.

Pasta d’água para acne

Outro uso que não tem a ver com o que falamos agora acima é o uso da Pasta d’água para a pele acneica. Diferente da forma de usar para evitar atrito ou refletir os raios solares que incidem sobre nós, a pasta ainda tem mais essa função. Atualmente a maior motivação de compra do produto é para secar espinhas. A eficiência se dá de pelo poder secativo do composto.  Isso ocorre por causa do óxido de zinco que está presente na fórmula. Lembra dele? Ele tem as capacidades adstringentes e cicatrizantes que dão conta do recado.

Como usar a pasta d’agua para espinhas

Agora me diz aí quem nunca acordou com uma espinha ( muitas vezes dolorida ) no rosto ? Como usar a Pasta d’água nessa caso? A forma de aplicação é super fácil:
  • Pegue um cotonete e pingue um pouco da Pasta d’água.
  • Com o cotonete embebido da pasta, passe na espinha até que ela fique completamente coberta.

Atenção no uso da Pasta d´água

Não use o dedo de jeito nenhum, nem pra tirar a pasta do pote, nem pra passar na espinha.
Esse cuidado em especial é muito importante. Não podemos esquecer que mesmo com uma aparência inofensiva, as espinhas são inflamações. Imagine colocar todo esse líquido infeccioso em contato com o pote e depois usar o mesmo produto em outras espinhas? Além de perder a efetividade e comprometer toda pasta, pode infeccionar ainda mais. Melhor mesmo ter o cuidado de usar o cotonete e não arriscar.

Lembrete para quem usa Pasta d´água para secar espinhas

A pasta, já demos até a receita ali acima, serve para secar as espinhas. Elas murcham e pronto, não estão mais ali. Porém a causa das espinhas continua e podem ser diversas. Ou algum medicamento que você está tomando, causas hormonais de todos os tipos. Não deixe que a Pasta d´água seja a sua única ação sobre esse problema. É o seu corpo falando com você que algo está acontecendo e nesse caso, a melhor decisão, é ouvi-lo.

Quanto custa a Pasta d´água?

Existem algumas marcas que comercializam por R$ 3,00 e algumas outras que  investem mais no marketing de apresentação do produto e jogam os valores lá em cima. Existe quem cobre quase R$ 20,00 por algo que pode ser bem acessível. O produto é simples, feito com compostos baratos. Não tem porque pagar caro por ele.

Tenha sempre uma Pasta d´água em casa

Conserve na geladeira ou no armário de medicamentos. Nunca deixe a tampa solta ou sem ela, pois você perderá o produto por ressecamento.
teste

Nenhum comentário